Restauração de pedra – Os seis segredos para limpar argamassa

Restaurar pisos de pedra é um processo incrivelmente fascinante e que oferece alguns dos acabamentos mais marcantes e gratificantes possíveis. Isso, no entanto, não é uma garantia, pois é necessária uma série de considerações aprofundadas para conseguir isso.

A argamassa é uma superfície porosa e áspera e muitas vezes apresenta desafios para a limpeza de rotina que diferem de uma superfície polida ou esmaltada. Linhas de argamassa sujas são feias e geralmente causadas por uma combinação de sujeira, mofo e mofo. Muitos produtos e métodos são empregados para limpar linhas de argamassa que terminam em um resultado insatisfatório.

As informações a seguir fornecem uma visão do mundo competitivo da restauração profissional de pedras e o deixarão bem informado sobre a melhor forma de obter a argamassa mais limpa possível.

O primeiro segredo é a utilização de produtos profissionais. A gama de produtos de limpeza de rejuntes disponíveis pode deixar qualquer indivíduo não qualificado com a sensação de estar diante de um território desconhecido. Em nossa aspiração inocente, muitas vezes podemos ser facilmente conduzidos. Muitos produtos de limpeza de rejuntes são geralmente muito ácidos e a maioria não deve ser usada em mármore, travertino, calcário ou ladrilhos de mosaico. Os produtos profissionais fornecem resistência industrial e soluções ecológicas que não danificam a argamassa existente. Estes também funcionam em linha com o processo de restauração de pedra.

O segundo segredo é o uso de maquinários industriais e ferramentas específicas. Não há segredo que um especialista profissional em restauração de pedras tem a fórmula vencedora de máquinas e ferramentas de limpeza de rejuntes para obter resultados incomparáveis. Eles oferecem precisão e força sem efeitos destrutivos.

O terceiro segredo é a experiência cumprida pelo tempo. É um fato bem conhecido que a prática melhora nosso conjunto de habilidades e os restauradores de pedra têm a oportunidade de um envolvimento consistente e regular com este processo. Diferentes tipos de argamassa e diferentes cores fornecem desafios individuais e a experiência fornece conhecimento e poder de como melhor abordar cada trabalho.

O quarto segredo é a graxa de cotovelo. Mesmo com os melhores produtos, ferramentas, maquinários e experiência disponíveis, a verdade nua da limpeza de rejuntes é trabalhar duro e esfregar. Este método oferece uma limpeza eficaz deste material à base de cimento.

O quinto segredo é o uso de um produto de argamassa de cor mais escura. A argamassa branca é infinitamente mais difícil de manter a aparência limpa. Ao selecionar uma cor esbranquiçada ou tons mais escuros que complementam os ladrilhos de pedra natural circundantes, sem dúvida, reduzirá a abordagem intensiva necessária.

O sexto e último segredo é uma dica rápida na manutenção diária da argamassa que é ter cuidado ao usar esfregões ou esponjas. A sujeira é facilmente arrastada para as linhas de argamassa e, se limpa de maneira incorreta, pode rapidamente deixar a argamassa com uma aparência suja e sem atrativos.

As informações acima são educativas, informativas e capacitadoras. Estar equipado com esse detalhe deixará você com a capacidade de tomar uma decisão informada ao contratar os profissionais mais bem servidos para restaurar seu piso de pedra e rejuntes. Os resultados serão pisos de pedra brilhantes e higienicamente limpos, dos quais se orgulharão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.